RSS Feed

Automóvel ligeiro colide com autocarro de 52 lugares em pé


Resultaram 16 feridos, na sequencia de um acidente entre um automóvel ligeiro e um autocarro de 52 pessoas, em Tancos.

Fonte afirma ter visto ainda um pequeno “guinanço” e alguma esteria de entre os ocupantes. O Autocarro parecia seguir em direcção contrária, ao permitido por lei, o que  pode antever uma punição por condução agressiva e desqualificada.

O autocarro verde transportava no momento 52 militares, de entre eles, dois intrutores. “Pah! o pessoal magala só começou a ouvir uma derrapagem e começou tudo aos gritos -não empurrem, não empurrem – e quando dei por mim já os meus colegas me tinham passado por cima com as sapatas do treino. O que vale é que não houve puxões de cabelo, que nós tinhamos ido à tosquia nesse dia” – garante ao Bandeiras, um dos militares que se safou desta salsada.

Ficam ainda algumas questões por resolver que ficarão, com certeza, nas boas e seguras mãos do Ministério Público, que precisará de abrir inquérito para perceber o que aconteceu.

Perguntas sem resposta :

– Se o cidadão comum é obrigado a circular na direcção contrária ao trânsito, porque circulam os militares em pelotão no centro da estrada e de costa para o perigo?

– Os instrutores são do exército ou de uma equipa de Bowling ?

– Se  Tancos têm um parque militar daquela dimensão o que andavam estas alminhas a fazer no meio da estrada?

– Por nunca ter acontecido, mantemos as mesmas regras de sempre e culpamos quem não tem culpa?

– A cabeça é só para pôr o Bivaque?

– Uma corporação como o exército, que é cheia de estratégias, não tem uma para se desviar dos carros?

– Se o cidadão comum é obrigado a usar reflectores, caso circule numa via de visibilidade reduzida, porque não é extensível aos militares? Será que pensam que o suor reflecte?

– Se não houve morto,s porque é que o separador da Sic notícias diz “acidente mortal”?

– Se o pelotão é entendido como um veiculo, se me juntar com cinquenta amigos posso ir ao McDrive pedir um Sundae?

– Se são para-quedistas, o que andavam a fazer na estrada?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: